Vinho novo. Odres novos.

Neste mês de abril, estamos celebrando a Páscoa. Uma das datas mais importantes do calendário cristão. É comemorado a libertação do povo de Deus. A Páscoa simboliza a transição de uma condição para outra. Para nós, a Páscoa é a saída do cativeiro da velha natureza e a entrada na nova vida em Cristo Jesus.

 

Uma das imagens que mais comunica  a Páscoa é a entrega de Jesus na cruz. Porém, o valor da Páscoa transcende a isso. Não celebramos a Páscoa que fala apenas do sacrifício visceral de Jesus na cruz, mas celebramos a Páscoa que nos coloca na condição de sermos odres novos que podem receber o vinho novo de Deus.

 

Isso fala de estarmos debaixo de uma Nova Aliança. Jesus ensinou que “ninguém põe vinho novo em odre velho; se o fizer, o odre rebentará, o vinho se derramará e odre se estragará. Ao contrário, põe-se vinho novo em odre novo; e ambos se conservam”. Mateus 9:17. E isso nos diz que o Evangelho de Jesus gera pessoas novas. O odre novo é a pessoa nova gerada pelo Evangelho da graça de Deus. O odre novo é também a unidade das pessoas novas, gerada pelo Evangelho que reconcilia a todos com Deus, consigo mesmos, e com o próximo. Assim, comemorar a Páscoa significa ser este odre novo disponível e preparado para manifestar a graça de Deus. Ser odre novo é ser um instrumento cheio do Espírito Santo para manifestar a bondade de Deus às pessoas.

 

Desta forma, celebre a Páscoa e a ressurreição de Jesus! Celebrar a Páscoa como ressurreição é afirmar a esperança da vida eterna! 

Que durante este mês tão significativo, possamos nos apropriar com muita ousadia do convite que recebemos de sairmos da condição de escravos para sermos filhos. Que possamos nos alegrar com a oportunidade de sermos os odres novos que receberão o vinho novo.

 

Feliz Páscoa!

 

Em Cristo, 

Pra Carla 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *